À um metro e meio, com carinho! Exposição "1,5M"


1,5m é uma chamada aberta para mulheres artistas enviarem registros de trabalhos realizados em um círculo de 1,5 metro de raio (3 metros de diâmetro): intervenções, desenhos, performances, land art, entre outras linguagens. Os trabalhos poderiam ser produzidos em qualquer lugar. Dentro das casas, em locais públicos e até privados. Podendo ser desde intervenções, esculturas, performances, desenhos pintura, gravuras, land art, vídeo, traje, escritos, entre outras linguagens. 

Durante o período de seleção foi possível à participação de qualquer pessoa que se considere mulher (isso quer dizer, que vive diariamente as contradições políticas, econômicas e sociais que nossa sociedade patriarcal nos impõe), de qualquer idade e que desenvolva um projeto ou obra baseado neste princípio formal que estamos propondo, um círculo de 1,5 metro de raio.

Organizada pelo grupo de mulheres GOMAGRUPA, a exposição "1,5M" acontece em forma de postagens na página do Instagram Goma-1.5 (@goma_1.5), a partir do dia 17 de novembro de 2020. Não poderíamos ficar de fora de uma iniciativa tão linda e inspiradora como essa! Tivemos a grande honra ter nosso projeto aprovado. Estamos radiantes e só temos a agradecer a todos que de alguma forma contribuíram na elaboração, execução e que torceram pela gente! #gratidao Conheça o nosso projeto!

À um metro e meio, com carinho!

Nesse momento de nossas vidas somos colocados diante do dilema do toque, é arriscado receber um carinho, ter essa troca de energia que é tão cara. O carinho então é entregue de outras formas. Aqui incluí uma obra do projeto TEMPO CONGELADO, esse projeto tem como mote enquadrar um instante da nossa vida, o “tempo da música”, o momento que aquela frase cantada, recorrente, foi ouvida, onde as palavras te atravessaram, enquanto estava permeado pelo transito caótico da cidade.



E se pegou imaginando uma cena pitoresca, um resultado particular daquele pensamento. As obras produzidas são cartazes que tem como referência as peças publicitárias produzidas entre os anos 30 e 40 do século passado, e que serão aqui colocadas dentro de um circulo de 1,5 metros de raio, e distribuídas, no passeio público, aos transeuntes, que terão um tempo limite para retirar seu carinho impresso, um beijo que pode ser emoldurado e entregue a cada olhar trocado com a imagem.



O manifesto

As artistas desta Goma vem manifestar o direito à resistência. Sim, estamos aqui de pé, apesar das batalhas, das gomas mascadas, dos seios sugados, e com as crianças; mas é bom saber que também não estamos aqui de brincadeira! Não vencemos grandes guerras, pois nossa luta é a do dia a dia, do grude na panela, da Arte de viver e dar vida a tudo o que nos rodeia. Esta é uma Goma de união do feminino, por representatividade, sororidade e relevância no cenário artístico brasileiro. Um local de agrupamento de ideias no sentido de nos apoiar e valorizar nossa produção. Que essa goma amalgamada seja um conforto e um trampolim para que nós mulheres artistas nos unamos na conquista do tempo e do espaço que nos pertence. Avante, pois a liberdade é feminina, e nos dará asas de voar!

Kátia Fiera, Em residência pandemia, 2020.

Demais esse projeto não é? Não deixe de acompanhar a exposição. É só visitar o perfil Goma -1.5 (@goma_1.5).

Em breve teremos mais novidades sobre esse projeto para vocês! Aguardem...


Deixe um comentário


Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados